Duas de Amsterdã e uma do Brasil

ponte_amsterdam_ogul-oz01.jpg

Primeiro a intervenção do artista Ogul Oz na ponte Hoofddorpweg, os dizeres em inglês falam que se a água atingir aquele nível não precisarão mais da ponte e sugere, ironicamente, que os motoristas continuem dirigindo.

A Holanda, por ser um dos paises baixos, será um dos primeiros a ser engolido pela água do mar caso o degelo provocado pelo aquecimento global continue. *imagem e parte do comentario extraido do apocalipse motorizado
cd-q-o-pc-gravou-n-1-167.jpg

Mas os holandeses fazem bom uso de uma das formas de transporte sustentável, a bicicleta, como pode ser visto na foto acima, de um paraciclo em Amsterdã, capital Holandesa. *foto cedida por amigo, em viagem a holanda, valeu Boi!

O Brasil também faz a sua parte, venda de veículos no país bate recorde, para ajudar a afundar a Holanda e o resto do mundo.

Moral da história: BICICLETA = SUSTENTÁVEL, CARRO = FUTURO BARCO

Anúncios

2 Respostas to “Duas de Amsterdã e uma do Brasil”

  1. Mirlene Says:

    Mas o homem só acretitará quando a água estiver batendo
    na sua cintura e estragando o carpete do carrão!

  2. Fábio Says:

    Aqui em Brasília a Capital Federal do Brasil que é legal. O uso da bicicleta é incentivado com atropelamentos e se você quiser se deslocar de biclicleta até o trabalho pode, o problema é só onde guardar a bicicleta porque a maioria dos locais de trabalho no Plano Piloto, como shoppngs e edifícios de escritório não tem local apropriado. No condomínio de onde eu trabalho por exemplo é proibido. (leia-se Libert Mall)

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: